Volume
Redes
Sociais
PUBLICIDADE
Florianópolis decreta situação de emergência: confira as consequências da chuva em SC
11/01/2018 - 17h18 em Gerais

No bairro Ratones, casas ficaram praticamente subsmersas

Foto: Tiago Ghizoni / Diário Catarinense.

A chuva que afeta o litoral de Santa Catarina, especialmente Florianópolis, já causou uma morte em São João Batista, na quarta-feira, uma outra morte na Capital, nesta quinta, e dois desaparecidos, um homem em Balneário Camboriú e outro em Florianópolis, além de causar danos materiais e inúmeros transtornos para a população. A prefeitura da Capital decretou situação de emergência e orienta os moradores a não saírem de casa.

Florianópolis registrou 400mm de chuva desde a segunda-feira — o maior volume no Estado. As principais rodovias estaduais que dão acesso ao Norte, Sul e Leste da Ilha estão parcialmente interditadas por causa dos alagamentos. Polícia Militar Rodoviária, Defesa Civil, Bombeiros e Município atuam para amenizar os problemas de mobilidade. O transporte coletivo da cidade também foi afetado e funciona com 40% da capacidade. Além disso, o Município está solicitando cancelamento dos eventos programados para esta quinta.  

No final da manhã desta quinta-feira foi confirmada a morte de homem no bairro Itacorubi. Ele foi ajudava a desentupir um bueiro quando teve um infarto, caiu, bateu de cabeça e foi arrastado pela enxurrada durante a manhã. Além disso, uma outra pessoa está desaparecida no Morro do Quilombo. 

Quem precisa de abrigo pode procurar os dois espaços disponíveis pela Prefeitura — a Escola Donícia Maria da Costa, no bairro Saco Grande, e a Passarela Nego Quirido, no Centro. Já os pedidos de ajuda devem ser direcionados para a Defesa Civil (199), os Bombeiros (193) ou a Polícia Militar (190). 

Fonte: Diário Catarinense

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!